Articles

Entrevista com Ricardo Saldanha

By  | 

Ricardo Saldanha é Atleta de Wushu Sanda do Brasil. Saldanha é atualmente duas vezes campeão brasileiro, campeão sul-americano e campeão pan-americano em Sanda.

Sanda é um esporte de luta contemporânea que incluem quedas, lances e golpes usando braços e pernas. Golpes de cotovelo, estrangulamentos e bloqueios de juntas não são permitidos em campeonatos. O estilo é influenciado pelo boxe chinês tradicional e é normalmente realizada ao lado de taolu ou formas de competição.

justine-4

  1. Quando você começou o Sanda? Por que você praticou sanda em comparação com outras artes marciais?

Comecei a treinar no Sanda há 8 anos. Eu queria me juntar no sanda para perder peso e entrar em forma. No começo eu estava procurando por Muay Thai, porque muitas escolas no Brasil tem o Muay Thai em vez do kung-fu sanda. A academia que me juntei não a tinha como opção, eles tinham o sanda. O que era raro. Eu escolhi o sanda porque o esporte combina socos, chutes e quedas.

  1. Qual é a parte mais difícil da preparação para as suas lutas ou partidas?

A parte mais difícil é a dieta para perder o peso. A dieta é difícil, porque eu gosto de comer hambúrgueres, pizza e Nutella.

 

justine-1

 

  1. Você tem um ritual para se preparar para suas lutas?

Sim, meu foco e minha mente estão totalmente concentrados na luta. Eu uso minha mente para ver todos os detalhes possíveis da luta.

  1. Quem são seus professores que lhe ensinaram sanda e MMA?

Em sanda, meu primeiro professor foi o Elton Candido. Quando comecei a competir nos Nacionais em um nível mais alto de competição, comecei a treinar com Daniel Dionisio. No MMA, meus treinadores são Renato Ferreira, Daniel Evangelista e Odair Samurai que estão respectivamente com Luta-Livre, Wrestling, MMA e Boxe.

justine-5

  1. Qual é o seu objetivo no sanda? E no MMA?

Meus objetivos no Sanda é treinar e melhorar todos os dias e me manter no nível mais alto do mundo. Embora sendo realista e paciente na minha jornada, eu quero ser o melhor lutador na minha classe de peso no MMA.

  1. Você tem algum conselho para outros lutadores?

Minha dica é “Torne-se como água, meu amigo.” Esta frase de Bruce Lee é nesse contexto que sua mente é maleável. Basicamente, é difícil treinar com humildade e ter uma mente aberta. Você sempre pode aprender e ir em frente com as dificuldades que existem, o treinamento duro, dieta e muitos sacrifícios. No final, a felicidade faz valer a pena.

 

justine-2

Colaboradores
Tradutores: Henry Sato
Processamento de cores: Tim Wang
Fotógrafo: Justine Agaloos

 

justine-3

Justine Agaloos is a National USA Wushu Taolu Judge and is on the 2017 U.S.A. Traditional Wushu Team. While working full-time as an IT Security and Assurance Consultant, Agaloos also has a Masters Degree in Instructional Technology. With her extra time, Agaloos currently travels to domestic and international wushu tournaments. She has trained with the Harvard Wushu Team for six years and later became an instructor.